2011/07/08

Saudades


“Em alguma outra vida,devemos ter feito algo muito grave,para sentirmos tanta saudade...
Trancar o dedo numa porta doí.
Bater o queixo no chão doí.
Doí morder a língua,cólica doí, doí torcer o tornozelo.
Doí bater a cabeça na quina da mesa,carie doí,pedras nos rins também doí.
Mas o que mais doí é a saudade.
Saudade de um irmão que mora longe.
Saudade de uma brincadeira de infância.
Saudade do gosto de uma fruta que não se encontra mais.
Saudade do amigo imaginário que nunca existiu.
Saudade de uma cidade.
Saudade de nós mesmo,o tempo não perdoá.
Mas a saudade mais dolorida é a saudade de quem se Ama.
Saudade da pele,do cheiro,dos beijos.
Saudade da presença,e até da ausência consentida.
Você podia ficar na sala e ele no quarto,sem se verem,mas sabiam-se lá.
Você podia ir para o dentista e ele para a trabalho,mas sabiam-se onde.
Você podia ficar sem vê-lo,e ele sem vê-la,mas sabiam-se amanhã.
Contudo,quando o Amor de um acaba,ou torna-se menor no outro.
Sobra uma saudade que ninguém sabe como deter.
Saudade é basicamente não saber.
Não saber se ele continua fungando num ambiente mais frio.
Não saber se ele continua sem fazer a barba por causa daquela alergia.
Se aprendeu a entrar na internet,se aprendeu a ter calma no trânsito.
Se continua preferindo cerveja a uísque(e qual a cerveja)
Se continua sorrindo com aqueles olhos apertados,e que sorriso lindo.
Será que ele continua cantando aquelas mesmas musicas tão bem(ao menos eu admirava)?
Será que ele continua fumando e se continua adorando Mac Donald's?
Será que ele continua não amando os livros,e ela cada vez mais?
E continua não gostando de dar longas caminhadas,e ela não assistindo televisão?
Será que ele continua gostando de filmes de ação,e ela de chorar em comédias.
Será que ela continua lendo os livros que já leu?
Será que ele continua tossindo cada vez que fuma?
Saber é não saber mesmo!!!
Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais longos,não saber como encontrar
tarefas que lhe cessem o pensamento.
Não saber como frear as lágrimas diante de uma música,não saber como vencer a dor
de um silêncio que nada preenche.
Saudade é não querer saber se ele está com outra,e ao mesmo tempo querer.
É não saber se ele está feliz,e ao mesmo tempo perguntar a todos os amigos por isso...
É não querer saber se ele está mais magro,se ele está mais belo.
Saudade é nunca mais saber de quem se Ama e ainda assim doer.
Saudade é isso que senti(e sinto) enquanto estive escrevendo e o que você (deveria)
provavelmente estar sentido agora depois que acabou de ler.”
Quem inventou a distância nunca sofreu a dor de uma saudade!!!
Martha Medeiros
Esse lindos selinhos ganhei da amigaCynthia, 500 seguidores, meus parabénsquerida,amei muito lindoooooo.Blog dela http://cynthiadayanne.blogspot.com/
Photobucket
Photobucket

O bloga da Amiga Marinha
completou 3 Aninho
parabénssssssssssss
muito sucesso, merecido,muito merecido
Blog dela http://www.construtoradepalavras.com.br/
Photobucket

9 comentários:

หคтнყ disse...

Primeiramente Parabéns, pelos selinhos.

Saudade pode machucar =|, mas pelo menos mostra que o nosso passado valeu à pena!

Beju Grande!
http://nathydorgas.blogspot.com/

{♥Åññä Lµí§ä♥}_L€ØNARÐØ disse...

Olá linda:-)
Vim te desejar um
excelente final de semana
beijoss fica com Deus!

QUIM disse...

Até doi ler isso daí ...Quem ja sentiu essa dor sabe bem o que é sofrer a bom sofrer...mas passa tudo passa....bjs

нєllєи Cαяoliиє disse...

Ahh,
Eu simplesmente gosto muito desse texto!
Infelizmente saudade é uma coisa que de certa forma nunca terá fim,sempre sentiremos saudades de alguma coisa que se foi e não voltará.
Ótimo fim de semana!
Beijos

Cízz disse...

Sim. Já senti muitas saudades como essas. E dói mesmo. Adorei o texto.
Boa noite!
Bejo Bejo *3*

Vivian disse...

Bom dia,amiga!!

Ah!!Saudade quando aparece...incomoda...
Bela escolha querida!!
Lindos os selos que ganhou!!
Parabéns à todas!!
Tenha um lindo domingo!!E um excelente começo de semana!
Beijos pra ti!

Flor de Lótus disse...

Não consegui ler o post, tá tudo estranho, embaralhado difícil explicar...
Boa semana!
Beijosss

ღ Sensitivity ღ disse...

Essa distância machuca muito, realmente quem inventou não conhecia a dor chamada saudade. Lindo texto da Martha. Beijinhos e uma ótima semana.

aldrey disse...

Adoro os textos da Martha,parabens pela escolha!!bjs